domingo, 30 de agosto de 2015

Campanha alerta população sobre prevenção do câncer de intestino

 
A Sociedade Brasileira de Coloproctologia (SBCP) lança no próximo mês a campanha Setembro Verde, de alerta à população sobre a necessidade de prevenção do câncer colorretal. As ações da campanha, feita em parceria com a Associação Brasileira de Prevenção do Câncer de Intestino, vão ocorrer em quatro capitais brasileiras.

 O presidente da SBCP, Ronaldo Salles, lembrou que o câncer de intestino afeta tanto homens quanto mulheres. “Cresce muito a importância do câncer de intestino em relação aos outros, porque câncer de próstata dá apenas em homens, e o de mama acomete mais mulheres. Em homens, é muito raro.”
Salles destacou que o câncer de intestino pode ser prevenido. “O precursor do câncer é o pólipo benigno, que pode ser retirado durante uma colonoscopia [exame que permite analisar o revestimento interno do intestino]”. Segundo ele, o procedimento pode evitar a transformação do pólipo em um tumor.
 
http://nossapaudosferrosrn.blogspot.com.br/2015/08/campanha-alerta-populacao-sobre.html

Jovens Adventistas de Antônio Martins realizaram ontem a festa fantasia com personagens biblicos foi muito bonito e divertido



Voltamos ontem ao passado cerca de 2mil anos atrás revivendo a cultura dos tempos bíblicos  com  Rainhas , Reis , Apóstolos , discípulos, as mulheres que andavam com jesus como Maria Madalena, Maria mãe de jesus  e muitos outros personagens que a bíblia cita além de revivermos  o passado tivemos nossas brincadeiras com palmas , danças ,  musicas foi tudo muito bom eu diria excelente.

 Obrigado a todos que contribuíram até  a próxima  GENTE ABRAÇO IRM ZIZI
 
 
 
 




 

 
 

 
 

 
 


 
 

 
 
 




 
 









 

sábado, 29 de agosto de 2015

Presidente é pressionada a desistir de novo imposto




 http://cidadenewsitau.blogspot.com.br/Além de aliados como o vice-presidente Michel Temer (PMDB), políticos e empresários, a presidente Dilma Rousseff está sendo pressionada também por assessores diretos a desistir de
propor a volta da CPMF, o imposto do cheque, mas a equipe econômica já trabalha com o cronograma de apresentar a medida ao Congresso na próxima segunda-feira (31).

O argumento da área econômica é que a recriação do tributo é o melhor caminho para o governo fechar o Orçamento de 2016 e tapar um buraco de R$ 80 bilhões.

Por enquanto, assessores da Fazenda e do Planejamento dizem que têm autorização da presidente para fechar os detalhes da PEC (Proposta de Emenda Constitucional) recriando o tributo, que foi extinto em 2007.

Um assessor presidencial, porém, disse à Folha que ainda será feito um último esforço para convencer Dilma a desistir. A presidente marcou para domingo (30) uma reunião para fechar a proposta orçamentária de 2016.

Os defensores da proposta, por outro lado, dizem que as alternativas à volta do tributo são piores: "parar o governo" totalmente, o que demandaria inclusive aprovação de lei para isto, ou desistir de ter superávit primário no ano que vem, levando à perda do grau de investimento do país.

A estratégia do governo, por enquanto, é encaminhar a PEC ao Congresso. Caso ela não prospere, o Planalto espera que a base aliada apresente, então, alternativas para cobrir o rombo de R$ 80 bilhões no Orçamento de 2016.

ROMBO

A decisão foi tomada, segundo a área econômica, porque a queda da receita federal vai continuar em 2016 e, por isto, a projeção é de um rombo de R$ 80 bilhões no Orçamento da União do próximo ano, mesmo com medidas de contenção de despesas já definidas pelo governo.

No domingo, Dilma deve definir, por exemplo, como seria a divisão da receita de uma nova CPMF, que seria recriada com alíquota próxima à anterior, de 0,38%, valendo por quatro anos.

O governo vai dividir parte dos recursos com Estados e municípios para obter o apoio de governadores e prefeitos à proposta de ressuscitar a CPMF, ideia criticada por empresários e aliados. Os presidentes do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), também rejeitaram a ideia do novo imposto.

Fonte: Folha de São Paulo

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

BOLSA Família: Semthas convoca beneficiários para atualizar informações do CadÚnico




A Prefeitura de Antonio Martins, através da Secretaria Municipal do Trabalho, da Habitação e de Assistência Social (Semthas) convoca todos os beneficiários dos programas sociais do Governo Federal para atualizar, com urgência, os dados relativos ao Cadastro Único (CadÚnico).

“O recadastramento é obrigatório, pois é o único meio para se ter acesso aos programas sociais do Governo Federal”, avisa a titular da pasta, Rosineide Mesquita.
A atualização do CadÚnico objetiva identificar as famílias de baixa rendas para inclui-las no Bolsa Família, Programa do Leite e na Tarifa Social de Energia Elétrica, dentre outros.
Além disso, o CadÚnico também é utilizado para conceder a isenção de pagamento de taxa de inscrição em concursos públicos.

Os documentos necessários para se fazer o recadastramento são os seguintes:
Do marido e da mulher

– Carteira de Identidade (RG), CPF, Título de Eleitor, Carteira de Trabalho, Comprovante de Renda, Comprovante de Residência (Água, Luz e Telefone);
Da criança
– Certidão de Nascimento e Declaração Escolar.

A atualização está sendo realizada na Semthas, localizada à rua Dr. Jocelyn Villar, Nº 25, em frente à Igreja de Santo Antonio, no horário matutino, das 8h às 12h.

CPI de Crimes Cibernéticos: Rafael Motta denuncia vídeos no Youtube com apologia ao abuso sexual infantil

 

Brasilia-DF-Politica.

Deputado federal denunciou casos durante audiência com diretores de redes sociais no Brasil.
 
 
O deputado federal Rafael Motta (PROS) denunciou aos diretores do Google, Facebook, Twitter e Yahoo! casos de pedofilia na internet e cobrou soluções para evitar que isso continue ocorrendo na grande rede. A denúncia foi feita na manhã desta quinta-feira (27), durante audiência da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Crimes Cibernéticos, com a presença desses diretores no Brasil. Ao Google, detentora do Youtube, o parlamentar entregou um relatório contendo as imagens encontradas na rede, para que a empresa possa tomar providências.
 
Durante a audiência, Rafael Motta apresentou imagens de comentários de cunho pedófilo em vídeos disponíveis no Youtube, com crianças e adolescentes em imagens sensuais e mensagens de usuários fazendo apologia ao crime de abuso sexual infantil. O parlamentar, que é sub-relator da temática da pedofilia na CPI, ressaltou que casos como esses são facilmente encontrados e se faz necessário um maior rigor nos filtros dos sites para evitar que casos continuem acontecendo.
 
“O pedófilo se utiliza da internet para cometer crimes de forma descarada. Não são poucos os casos como esses que constatamos ao realizar simples buscas no Google e eles não podem continuar acontecendo. Eles não podem ficar impunes”, afirmou o deputado federal Rafael Motta.
 
No caso das denúncias feitas por Rafael Motta, o diretor do Google no Brasil, Marcel Leonardi, reconheceu as falhas e pediu que as pessoas denunciem os casos porque, diante do grande volume de vídeos postados por dia, a apuração só pode ser agilizada por meio de denúncias.
A audiência contou ainda com a presença do diretor de Relações Governamentais do Facebook no Brasil, Bruno Magrani; do diretor de Relações Governamentais do Twitter Brasil, Felipe Magrim; e do diretor Jurídico do Yahoo! do Brasil, Diego Gualda.
Lagoa Nova – RN

http://seridonoticias.com/?p=21839

BOM DIA Aula no campo Sito Garrota Morta






Valdercio Marcio Oliveira

Aula de campo com os alunos do ensino fundamental I da Escola M. Manoel Joaquim Filho-Garrota morta. Já dizia Paulo Freire: "deve se aprender a ler fazendo leitura do mundo" interagindo com o contexto. Interdisciplinaridade; estudando o espaço ambiental, cultural e religioso que fez e faz a comunidade local.





 

Eles destruíram as finanças pela reeleição’, diz Delfim Netto após declarações de Dilma

Economista e ex-conselheiro dos governos do PT disse que ficou ‘espantado’ com fala da presidente sobre futuro da economia

por

Delfim Netto fez críticas às declarações de Dilma - Michel Filho / Michel Filho/17-03-2014
SÃO PAULO - O economista e ex-ministro Delfim Netto afirmou nesta quarta-feira que ficou “espantado” com as declarações da presidente Dilma Rousseff, que, na terça-feira, reconheceu em entrevistas ter demorado para perceber a gravidade da crise econômica, e que “2016 não será uma maravilha”. Segundo o ex-ministro, até 2013 o país não enfrentava grandes problemas econômicos, mas, em 2014, o atual governo decidiu destruir as finanças públicas deliberadamente para conseguir a reeleição.

— Até 2013, você não tinha grandes problemas (nas finanças). Havia alguma orientação equivocada. Mesmo as finanças públicas, que apresentavam um déficit de 3% do PIB, e a dívida pública representando 53% do PIB não eram nada trágico. Mas, em 2014, foi uma coisa deliberada. Eles destruíram as finanças públicas deliberadamente para obter a reeleição — disse Delfim Netto, durante o seminário “Repensando o Desenvolvimento Produtivo no Brasil”, da Fundação Getúlio Vargas, que contou a presença do ministro Roberto Mangabeira Unger, da Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República (Sae).]

Delfim, que se tornou um dos conselheiros dos governos do PT desde a eleição de Lula, em 2003, disse que, apesar de a crise econômica ter sido criada para viabilizar mais um mandato, não pode se queixar da presidente Dilma, “uma pessoa inteligente”.
ADVERTISEMENT
— O primeiro dever do governo é continuar governo seja lá como for, porque é a única forma de corrigir os erros que já foram feitos e poder fazer outros — justificou o ex-ministro, acrescentando que Dilma lhe lembrou o “velho” filósofo Friedrich Nietzsche (1844-1900), que dizia que “as piores mentiras são as que contamos para nós mesmos. As que contamos para os outros não têm importância”.
Apesar das críticas, Delfim se mostrou otimista em relação ao futuro da economia brasileira. Segundo ele, desde José Bonifácio (1763-1838), todos os governos do país se comprometeram a controlar despesas, inclusive ele mesmo, quando foi ministro da Fazenda (entre 1967 e 1974), e mesmo assim o país viveu mais de 20 crises, “iguais a essa que estamos vivendo”.
— Com todo o controle das despesas, tivemos umas 20 crises, ou 30, iguais a essa que estamos vivendo, e qual é a surpresa? Somos hoje a sétima economia do mundo, com 200 milhões de habitantes, e o quadro final não é tão ruim quanto parece. Mais do que isso, tivemos momentos que incluem praticamente 50 anos de crescimento a 6,5%. Tínhamos defeitos como o da distribuição de renda, mas todos melhoraram — disse.


Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/brasil/eles-destruiram-as-financas-pela-reeleicao-diz-delfim-netto-apos-declaracoes-de-dilma-17315529#ixzz3k1HdBh3N
© 1996 - 2015. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Voto de Collor em sabatina de Janot não foi contabilizado

collor bombardeia
 
O voto do senador e ex-presidente da República, Fernando Collor (PTB-AL), sobre a recondução do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ao cargo não foi contabilizado. Principal crítico de Janot, Collor foi denunciado pelo chefe do Ministério Público acusado de ter recebido R$ 26 milhões em propina no esquema de corrupção na Petrobras.
 Collor havia se credenciado como suplente da Comissão desde a semana passada, numa manobra para participar da sessão de sabatina. Ele chegou a votar, mas sua opinião não foi computada, já que os demais titulares do bloco do qual faz parte decidiram votar. Os senadores Eduardo Amorim (PSC-SE), Marcelo Crivella (PRB-RJ) e Magno Malta (PR-ES) são os titulares do bloco União e Força, do qual o próprio Collor é líder.

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Parabéns Escolinha Feliz Aniversário verás que um filho teu Não foge a luta



1 vídeo da escolinha inicio de tudo os moleques cresceram
em nome do meu amigo treinador e parceiro professor Giovane eu agradeço a todos que nos ajudam e acreditam que o esporte é um veiculo forte para combater as drogas e tornar estes jovens em pessoas de bem na sociedade ,  se quiser ser um parceiro da escolinha que sobrevive de doações dos Amigos pais dos garotos entre em contato conosco 84 96412145 ou blogdoirmaozizi@hotmail.com













Muitos  meninos crescerão estão se  tornando  Homens Gicantes de Guerra 
Verás que um filho teu Não foje a Luta Escolinha do zizi 2 Anos de Guerra Lutas e Vitórias na vida e no esporte  














Souza diz que medida de prefeitura causa ‘sangria’ em Mossoró

                        

O acordo firmado pela Prefeitura de Mossoró para desembarque, circulação e embarque de passageiros de taxis e transporte alternativo na cidade foi tema do pronunciamento feito pelo deputado Souza Neto (PHS). O parlamentar criticou a decisão da administração do município que proíbe a circulação de táxis intermunicipais dentro de Mossoró.

Souza defende o diálogo (Foto: AL)


Um dos principais argumentos para a crítica é que esses veículos atendem consumidores de cerca de 90 municípios para ir até Mossoró.

“Diante disso, o comércio está sofrendo perdas. No intuito de fornecer mobilidade, a prefeitura não está atenta para a sangria que está acontecendo no setor. De acordo com uma pesquisa da Fecomércio, a população oscilante de Mossoró varia de dez a 25 mil pessoas/dia. O que reforça as características de entreposto mercantil que Mossoró possui”, destacou.


Diálogo
O parlamentar acredita que é muito precipitado classificar os trabalhadores como clandestinos, uma vez que o serviço alternativo só é oferecido quando o transporte municipal não atende a demanda. Por isso, defende o diálogo para solucionar essa situação.

“Entendo que o diálogo é fundamental para o que os interesses de Mossoró e municípios vizinhos sejam contemplados. Espero que essa seja uma boa oportunidade para o DER trabalhar a questão da regulamentação do transporte alternativo nas áreas descobertas de linhas públicas. Em relação a prefeitura, esperamos bom senso.”, disse.

Os deputados George Soares (PR), Getúlio Rego (DEM) e Carlos Augusto Maia (PTdoB) apartearam o pronunciamento, demonstrando apoio à fala de Souza Neto. “É preciso entendimento e não enfrentamento diante da gestão municipal. Mas destacamos que só existe alternativo pela defasagem do transporte público municipal. A atividade precisa ser regulamentada no Rio Grande do Norte”, pontuou George Soares

terça-feira, 25 de agosto de 2015

RAPIDINHA ; Pecado capital que ABSURDO dava pra matar a fome de muita gente , Clube europeu faz proposta de 1,3 BILHÃO de reais por Neymar

 
Será que este clube Trata drogados , alimenta mendigos ,. até DUVIDO que exagero absurdo tem o mundo do Futebol com estes homens idolatrados e feito de ouro
 
É por isso que nem chove mais e não há fartura como antes devido os semi deuses do mundo moderno é por isso que a bíblia diz que este mundo não 'é de Deus , e sim um NOVO ONDE TODOS SEREMOS IGUAIS

Apc 21; 1  irm zizi

NÃO LEMBRO SE JÁ EXITIU UM GOVERNO MAIS RUIM DO QUE ESTE TEM QUE PAGAR OS DINHEIRO DO APOSENTADOS MESMO COMO SEMPRE , NÃO É FATURA DE CARTÃO PARA DIVIDIR EM 3 OU 4 VEZES ; Primeira parcela do 13º será paga em setembro, e a segunda, em novembro.

Fazenda havia informado que apenas 25% seriam pagos em setembro.

Fernanda Calgaro Do G1, em Brasília






 
O Palácio do Planalto anunciou na noite desta segunda-feira (24) o adiantamento integral em setembro de 50% do 13º salário dos aposentados e pensionistas que recebem do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Os outros 50% serão pagos em novembro, como acontece normalmente. O 13º engloba 28,2 milhões de benefícios.

O
Ministério da Fazenda havia discutido a suspensão do adiantamento de 50% do benefício por falta de recursos em caixa. O objetivo era pagar tudo somente na folha de novembro. Embora a antecipação do benefício não fosse obrigatória, ela ocorria há nove anos. A decisão de segurar o adiantamento causou polêmica e o Executivo precisou a rever sua posição.
No sábado (22), o governo chegou a anunciar que os aposentados iriam receber 25% do adiantamento do 13º salário em setembro e os outros 25% em outubro, mas acabou recuando nesta segunda.

O Sindicato Nacional dos Aposentados, Pensionistas e Idosos da Força Sindical (Sindnapi) entrou com uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) para obrigar o governo federal a antecipar a primeira parcela do 13º salário. Por lei, a primeira parcela tem de ser paga até 30 de novembro de cada ano.

Neste ano, devido ao fraco ritmo de atividade na economia, com queda da arrecadação, o governo não conseguiu realizar a antecipação da primeira parcela do 13º salário dos aposentados e pensionistas na folha de agosto, que é paga no fim deste mês e início de setembro. Com isso, rompeu uma tradição que ocorria desde 2006.

Em 2014, 27,3 milhões de benefícios foram concedidos em todo o Brasil com a antecipação da primeira parcela do 13º. No ano passado, houve uma injeção extra na economia de R$ 13,6 bilhões nos meses de agosto e setembro com esses pagamentos. Neste ano, a estimativa do Ministério da Fazenda é que o impacto seja de cerca de R$ 15,9 bilhões

Na primeira parcela do 13º dos aposentados, não há desconto de Imposto de Renda (IR). De acordo com a legislação, o IR sobre o 13º só é cobrado em novembro e dezembro, quando é paga a segunda parcela da gratificação natalina.

Veja a íntegra da nota do Presidência da República:

Nota à Imprensa

A Presidenta Dilma Rousseff decidiu hoje que o adiantamento de 50% do 13º Salário dos Benefícios de Aposentados e Pensionistas da Previdência Social (gratificação natalina) será pago integralmente na Folha de Setembro (creditada a partir do dia 24/09). Os outros 50% da gratificação natalina serão pagos na Folha de Novembro, conforme a rotina tradicional.

Secretaria de Imprensa
Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República

COITADO NÃO FOI PORQUE ELE QUIZ , Garoto tropeça em museu de Taiwan e danifica quadro de US$ 1,5 milhão

Ele abriu buraco na obra-prima do mestre italiano Paolo Porpora.
Tela do século 17 foi restaurada e voltou a ser exibida nesta terça-feira (25).

Da Reuters
Garoto de 12 anos tropeça durante visita a museu em Taiwan e faz buraco na obra-prima 'Flores', do mestre italiano do século 17 Paolo Porpora, avaliada em US$ 1,54 milhão  (Foto: Reprodução/YouTube/Focus Tawian)Garoto de 12 anos tropeça durante visita a museu em Taiwan e faz buraco na obra-prima 'Flores', do mestre italiano do século 17 Paolo Porpora, avaliada em US$ 1,54 milhão (Foto: Reprodução/YouTube/Focus Tawian)
 
Um quadro de US$ 1,54 milhão voltou a ser exibido na capital de Taiwan nesta terça-feira (25) depois de ser restaurado em razão dos danos provocados quando um menino de 12 anos tropeçou, perdeu o equilíbrio e fez um buraco na tela, afirmou o organizador da exposição.

A emissora local Focus Taiwan mostrou o acidente (
clique aqui para assistir).

"Flores", do mestre italiano do século 17 Paolo Porpora, é parte de uma exposição "Faces of Leonardo", que acontece em Taipé e tem obras de arte pintadas ou influenciadas por Leonardo da Vinci.


"Foi um acidente tão raro", disse David Sun, principal organizador da mostra, sobre o ocorrido no final de semana. "O menino estava ouvindo o guia e não estava olhando para onde ia. Tropeçou e abriu um buraco na obra de arte."

Sun afirmou que o menino e sua família lamentam muito e não vão ser alvo de nenhuma punição.

"Tínhamos um especialista italiano por perto e imediatamente contatamos o colecionador", disse Sun. "Decidimos reparar a pintura imediatamente no local e ela já está de volta à mostra.”

À esquerda, a obra-prima 'Flores', do mestre italiano do século 17 Paolo Porpora; à direita, restauradores avaliam estrago na tela de US$ 1,5 milhão após garoto tropeçar e se apoiar na peça (Foto: Divulgação)À esquerda, a obra-prima 'Flores', do mestre italiano do século 17 Paolo Porpora; à direita, restauradores avaliam estrago na tela de US$ 1,5 milhão após garoto tropeçar e se apoiar na peça (Foto: Divulgação)
 
Restaurador trabalha em 'Flores', do mestre italiano do século 17 Paolo Porpora; tela já voltou à exibição em museu de Taiwan após ser danificado sem querer por garoto de 12 anos (Foto: Divulgação)Restaurador trabalha em 'Flores', do mestre italiano do século 17 Paolo Porpora; tela já voltou à exibição em museu de Taiwan após ser danificado sem querer por garoto de 12 anos (Foto: Divulgação